18 de dez de 2009

Projeto Cavalo Marinho - Estuário Rio Maracaipe - Ipojuca PE



O Projeto Hippocampus tem estudado no município de Ipojuca, PE, desde 2001, as populações de cavalos-marinhos do manguezal do rio Maracaípe, estuário visivelmente bem conservado e sem grandes pressões de pescadores de peixes ornamentais. O Brasil figura entre os exportadores de cavalos-marinhos. Dados brasileiros sobre pesca desses peixes não são conhecidos. Não há nenhum tipo de controle ou registro sobre a pesca para o comércio interior e os dados de exportação disponíveis são insuficientes para estimativas do real consumo. O comércio destes peixes movimenta grandes quantias para os atravessadores, que pagam muito pouco aos humildes pescadores que sobrevivem ou suplementam sua renda familiar com esta pesca. A ignorância sobre a biologia destes animais tem acelerado o processo de extinção das espécies, que no Brasil, são apenas duas: Hippocampus reidi e H. erectus. A sobrepesca do cavalo-marinho no Brasil, infelizmente já é uma realidade em muitos Estados, principalmente no nordeste brasileiro. No caminho do estuário do rio Maracaipe - Recife onde hoje está baseado o projeto Hippocampus em Pernambuco pude observar essa imagem significativa e instigante a menos de 200 metros da margem.

Nenhum comentário: