24 de dez de 2011

Phoenix Jazz - Praia do Forte - BA - Dezembro 2011






















Viagem pequena, com alguma programação antecipada para não incorrer em grandes êrros de percurso, mas as maiores surpresas estavam a minha espera quando cheguei à Bahia neste verão, na praia do Forte. Um ou outro cartaz espalhados pela rua principal anunciava a programação do Phoenix Jazz. Foram apresentações memoráveis de Milton Nascimento, Armandinho, Stanley Clarke e Paulo Bellinatti com Weber Lopes. Brilharam de forma marcante, cada um no sei estilo. Armandinho e Stanley Clarke mostraram seus virtuosismos tocando juntos. Paulo Bellinatti e Weber Lopes com instrumental criativo e swingado com pitadas de Bossa Nova, e Milton mostrou seu repertório tradicional mas com bela roupagem nos arranjos. Outros grupos se apresentaram no projeto mas antes de minha chegada naquele paraiso.

23 de dez de 2011

Projeto TAMAR - Praia do Forte - BA






















O Projeto Tamar/ICMBio está presente em nove Estados brasileiros (Bahia, Sergipe, Pernambuco (Fernando de Noronha), Rio Grande do Norte (Atol das Rocas), Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina), protegendo cerca de 1.100 quilômetros de praias, através de 23 bases de pesquisa mantidas em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso desses animais, no litoral e nas ilhas oceânicas. http://www.tamar.org.br

5 de dez de 2011

Cemitério em Montevideo - Uruguay



Ao cair da noite em Montevidéu (Uruguay), dezenas de rostos que não escondem a ansiedade se reúnem em frente à entrada do cemitério mais antigo da cidade, dispostos a penetrar na atmosfera da morte com um novo olhar: o do "necroturista". Curiosos de todos os perfis e idades decidiram apostar nesta iniciativa da Prefeitura de Montevidéu, que inaugurou na semana passada a primeira das visitas guiadas que percorrerão periodicamente o cemitério público mais antigo da capital uruguaia. Construído em 1835 e ampliado em 1860 e 1868, o Cemitério Central foi concebido como um jardim cercado por arvoredos e túmulos no qual "era normal ver pessoas caminhando", diz uma das pessoas que trabalham como guia deste peculiar itinerário, a professora de História da Arte Marta Sírtori.

A feira nos finais de semana em Valparaiso - Chile



Se você deseja conhecer de perto a idiossincrasia do povo chileno, não existe lugar melhor que os mercados e as férias livres. Nestes lugares, em meio dos cheiros, dos sabores típicos e do incessante grito dos vendedores, se pode adquirir frutas, hortaliças e todo tipo de produtos agrícolas, mariscos e peixes. Se você apura o ouvido notará, também, a musicalidade na forma de falar que aparece desenhando a particular vida dos chilenos.
Valparaíso tem uma feira livre que funciona as quartas feiras e sábados, na avenida Argentina. Dois mercados: O “Mercado Cardonal”, localizado no bairro “Almendral” e o ”Mercado Puerto”, localizado no bairro do mesmo nome. São edifícios muito antigos e no primeiro andar funciona pequenos restaurantes popularmente chamados de "Cocinerias” ou “Pensiones”, cuja especialidade são os mariscos, o feijão e as “cazuelas” (Caldo com batatas carne de boi, frango e vegetal). Todos os pratos tem preços muito convenientes.

29 de nov de 2011

Cordilheira dos Andes - Argentina/Chile


É de arrepiar qualquer espinha! Encarar a travessia dos Andes seja de que forma for é sempre uma aventura de fazer o estômago encolher e os pulmões ficarem sem ar. Experimente!!!

21 de nov de 2011

A arquitetura das ruas - Montevideo -UY



A arquitetura de Montevidéu evóca a de Buenos Aires, em escala pouco menor e mais tranquila. O centro histórico revela um charme encantador, com museus espalhados entre construções neoclássicas e art déco. Na rua Ejido encontram-se, no mesmo prédio, o Museu de História da Arte e o Museu Pré-Colombiano e Colonial. A Catedral de Montevidéu, conhecida como Iglesia Matriz, foi construída em 1790 e é um dos símbolos da cidade. Um roteiro recomendado para conhecer algum dos principais pontos turísticos da capital começa pelo Parlamento e vai até o Mercado del Puerto - tradicional mercado de comidas - situado frente ao Rio de La Plata, inaugurado em 1868. No caminho, passe por belas construções e praças como o Palácio Taranco e o Palacio Estévez, o Teatro Solís e a Plaza Zabala. Caminhe atento e não deixe de perceber as pequenas construções e seus detalhes também.

Back on the roaD


"Back on the road" é um grupo musical de Campinas que resgata os melhores sucessos dos anos sessenta como Peter Flampton, Credence Clearwater Revival, Eric Clapton dentre os maiores nomes da época. Formado por um grupo de amigos não há estrelas e destaques mas sim uma harmonia amistosa entre os componentes. Sem virtuosismo ou técnica musical apurada entram no palco com a simplicidade de quem vai se apresentar para amigos e o que se sente no desenvolver da ação é o prazer de tocar com alma enlevada e com o coração cheio de sentimento por uma época em que a música, mesmo com acordes simples, foi rica em essência.

13 de nov de 2011

Punta del Este vista do coreto da marina - Uruguay



Punta del Este chama a atenção também pela beleza natural e pela sofisticada arquitetura. Distante 134 quilômetros de Montevidéu, localizada numa península que avança entre as águas do Rio da Prata e do Oceano Atlântico, no extremo sul do Uruguai, Punta tem uma diversidade de cenários e de atrações que deslumbra todo visitante. São quilômetros de praias, bosques de eucaliptos e pinheiros, belos casarões e extensos campos verdes e exuberantes.

Touro com moça no lombo - rambla em Punta del Este - Uruguay



Touro é Dionisio, Touro é Júpiter. Garanhão em forma de boi bonzinho, charmoso, até atrair a presa.
Touro é possessão do corpo pelos instintos.
Touro é a beleza da natureza.
Touro é vinho!

12 de nov de 2011

O charme de Punta del Este - Uruguay




A cidade foi fundada em 1829 por Don Francisco Aguilar, e seu primeiro nome foi Villa Ituzaingó. Em 1907, passou a se chamar Punta del Este. Está entre os dez balneários de luxo mais famosos do mundo e é um dos mais charmosos da América Latina, oferecendo tanto praias oceânicas - Oceano Atlântico - quanto de rio - Rio da Prata - . Balneária por excelência, natural e sofisticada, na atualidade conta com uma Rambla, suntuosas casas típicas de balneários, modernos edifícios de grande altura, um porto com grande infra-estrutura e capacidade de desembarque, locais comerciais de importantes marcas, restaurantes, pubs. Além das praias, os destaques de Punta del Este são: a gastronomia, com grande quantidade e variedade de restaurantes, onde a parrillada (churrasco à moda uruguaia, com carne e vísceras de animais grelhadas de maneira típica) pode ser saboreada, os cassinos (dentre eles, os famosos Cassino Conrad e Cassino Mantra).

11 de nov de 2011

Palácio Barolo e Palácio Salvo


Palácio Barolo - Buenos Aires. AR (à esquerda) - O arquitecto italiano Mario Palanti construiu este palácio a pedido do empresário têxtil Luis Barolo. Entre 1923, data da inauguração, e 1935 foi o edifício mais alto da cidade, tendo sido destituído do primeiro lugar quando foi construído o Edifício Kavanagh. A sua altura é equiparável à de um vigésimo quarto piso. O edifício está cheio de analogias e referências à Divina Comédia, motivadas pela admiração que o seu criador professava por Alighieri. A divisão geral do Palacio Barolo segue a estrutura da Divina Comédia, motivo pelo qual o palácio tem três partes, da mesma forma que a obra de Dante: Inferno, Purgatório e Céu. Além disso, a divisão estrutural segue toda uma correspondência exacta e o Farol representa os "Nove Coros Angelicais. A estrutura tem 100 metros, o mesmo número de cantos que tem a Divina Comédia, e 22 pisos, igual número de estrofes dos versos desta obra. Em 1997, o Palacio Barolo foi declarado Monumento Histórico [1]. Actualmente, no edifício funcionam várias agências de turismo, uma escola de espanhol para estrangeiros, uma loja que vende roupa para tango, escritórios de contabilistas, advogados.

Palácio Salvo - Montevideo. UY( à direita) - O Palácio Salvo (em Espanhol: Palacio Salvo) é um edifício em Montevideu, Uruguai, desenhado pelo arquitecto italiano Mario Palanti, um imigrante Italiano que vivia em Buenos Aires, e inaugurado no ano de 1928. Com os seus 95 metros e 27 pisos, foi a torre mais alta da América do Sul por vários anos. Localiza-se na esquina da Avenida 18 de Julio com a Plaza Independencia. Eleva-se no mesmo sítio onde anteriormente se erguia a Confeitaria La Giralda, lugar onde Gerardo Matos Rodríguez apresentou o tango uruguaio mais famoso e difundido do mundo, La Cumparsita. Em Buenos Aires, o mesmo arquitecto construiu um edifício muito semelhante mas de menor altura,o Palácio Barolo.

Palácio Salvo - Montevideo - UY



Inaugurado em 1925, o Palácio Salvo projetado pelo arquiteto italiano Mario Palanti já foi sede do governo uruguaio e por muitos anos foi o edifício mais alto da cidade. Hoje, nele estão instalados escritórios e residências, mas continua sendo um dos edifícios com a arquitetura mais marcante da cidade. De estilo ecléctico (duvidoso e criticado por muitos arquitetos da sua época) e silhueta característica, converteu-se num edifício emblemático da cidade, recordando os anos de prosperidade das primeiras décadas do século XX. Em Buenos Aires - Argentina, o mesmo arquiteto construiu outro edifício idêntico, embora de menor altura - que é o emblemático Palacio Barolo da Avenida de Maio.O arquitecto italiano Mario Palanti construiu o Palácio Barolo a pedido do empresário têxtil Luis Barolo.

Cemitério Central - Montevideo - UY



Construído em 1835 e ampliado em 1860 e 1868, o Cemitério Central foi concebido como um jardim cercado por arvoredos e túmulos no qual era normal ver pessoas caminhando, diz uma das pessoas que trabalham como guia deste peculiar itinerário. Os anjos, intermediários entre o céu e a terra, dividem espaço com símbolos maçônicos e decoração militar, em linha como as antigas Grécia e Roma. Junto aos motivos religiosos, cruzes e imagens de Jesus Cristo. Juntos às simbologias mórbidas do local há âncoras (consideradas elementos de salvação), papoulas (flores que "conduzem ao sonho eterno"), e figuras que mostram "a velhice e a passagem do tempo", como os relógios de areia.

Rambla detalhe - Montevideo -UY


A capital uruguaia lembra, e muito, o visual central da capital argentina. A Ciudad Vieja, que delimita o centro da cidade, traz os principais museus da cidade, além de ótimos cafés e restaurantes. Segura, com policiamento ostensivo, Montevidéu convida sempre a agradáveis caminhadas, mesmo de madrugada, quando as ruas estão cheias de gente voltando para casa depois dos agitos noturnos. Durante o dia, o passeio pode começar pela Plaza Independencia, que ostenta o imponente Palácio Sálvo de um lado e a Puerta della Ciudadela do outro, com uma enorme estátua do General Artigas (o herói uruguaio). A cidade é todinha rodeada por belas praias, embora cheias no verão, não são em geral adequadas para banho devido à grande quantidade de pedras que possuem mas a vista vale a pena. No final da tarde, a Rambla fica cheia de gente correndo, caminhando ou simplesmente sentada nos inúmeros banquinhos espalhados na orla.

Tesouros da arquitetura - Montevideo


Cuidado com os carros, os sinais, os pedestres mas não deixe de olhar para cima pois poderá estar perdendo muito se estiver passeando por Montevideo. Exemplares de edifícios art-noveau e art-deco, outros ecléticos e neoclássicos são predominantes na paisagem urbana. Intercalando-se com raros casos da escola modernista e recentemente da arquitetura contemporânea globalizada criam uma atmosfera nostálgica.

Maxxi - o asador do Verônica no Mercado do Porto - Montevideo



O assédio no mercado é grande e acabei escolhendo o restaurante chamado Cabana Verônica, especializado em parrila, mariscos e pescados. Os garçons atenciosos que me atenderam se chamam Raul e Gabriel. Outro de nome Walter, se não me engano, me serviu uma bebida gelada chamada meio a meio - mistura de vinho branco e espumante engarrafado - extremamente deliciosa se gelada. O Mercado nos fins de semana e feriados é muito concorrido e cheio de turistas. Uma boa dica é chegar mais tarde - depois das 14 horas - quando o movimento mais forte do almoço já estará terminando. O mercado fecha às 18 horas e os restaurantes, em sua maioria, às 17 horas. Todos recebem os brasileiros com grande simpatia e se o coração estiver receptivo você vai ter a companhia e amizade dos garçons, proprietários e daquele que vai ser o responsável pelo teu prato. O asador. Maxxi obrigado pelo capricho - Dá-le!!!!

10 de nov de 2011

A carne uruguaia - Uruguay























Associada a alimentação através de pastagens naturais, a carne bovina Uruguaia é das mais saudáveis do mundo. O país tem uma longa cultura na produção e exportação de carne e é devido a essa experiência que a carne de vaca do Uruguai é sinônimo de elevada qualidade e delicioso sabor pelo Mundo afora. A carne assada é sem dúvida o expoente máximo da cozinha Uruguaia. Os cozinheiros, naquele país, dizem que para se obter o resultado característico conhecido é necessário, além de um bom corte da carne é importante saber como cozinhá-la (assá-la). A tipo de lenha e da madeira utilizada é também ingrediente importante neste caso, porque deixa um sabor enfumado e único. A espessura da carne é generosa e geralmente vem acompanhada de papas (batatas) fritas.

2 de nov de 2011

Pedra da "tortuga" de duas cabeças - Viña del Mar - CL


Viña foi fundada em 1878 pelo engenheiro e político José Francisco Vergara, proprietário das duas fazendas existentes ali e que fazem parte da história da cidade. A primeira delas, Viña del Mar, ficava ao norte do estuário que hoje divide o balneário: o Marga Marga. Ao sul do rio, localizava-se Las Siete Hermanas, que compreendia terras até o Cerro Barón, em Valparaíso. O terremoto de 1906 deixou a portuária Valparaíso no chão e, com isso, diversas famílias se mudaram para o balneário, distante apenas 9km. A praia mais conhecida da cidade é Reñaca. Sua principal característica são seus edifícios em forma de degrau, dando um charme exclusivo à sua orla. O local tem uma grande diversidade hoteleira (inclusive aluguel de apartamentos para temporadas) e gastronômica. Há ainda as praias Salinas, Acapulco e Del Sol. Reserve alguns momentos para dar uma volta pela estruturada orla. Certamente o viajante vai encontrar surpresas, como o Muelle Vergara, antigo píer onde descarregavam mercadorias no passado, ou as feiras de artesanato. No entanto, as praias para veraneio não terminam com o fim do município. Todo o litoral norte de Viña possui cidades praieiras com infra-estrutura para turismo, cada uma com suas particularidades.

Predio do antigo Mercado - Valparaiso - Santiago - CL



Prédio característico do Bairro do Porto de Valparaiso que fica localizado a poucos passos da "Plaza Echaurren", entre as Calles Blanco y Calle Cochrane, muito próximo da aduana. No antigo mercado se podia encontrar muitos BOXES de verduras, frutas e típicas lojas de pescados do Pacífico tanto na parte interna como na externa do prédio. Alí se encontrava todo tipo de produtos marítimos a preços muito baixos e acompanhado pelo tradicional e característico ambiente do Bairro Portuário. Hoje, devido aos terremotos que tem sido frequentes no Chile, o Mercado foi desativado e o prédio interditado. Não se pode visitá-lo, por enquanto. A opção é explorar o visual externo e curtir o mercado do centro - Mercado Cardonal.

Igreja de Arcadas SP


Arcadas é uma cidadezinha no interior do estado de São Paulo e pertencente ao distrito de Amparo. Além de seus espaços públicos, igrejas, construções antigas e pequenos caminhos bucólicos seu ponto alto está na gastronomia. Mas tudo se resume a somente um ponto onde são servidos frutos do mar. Este ponto é o Bar do Gil que está localizado na praça central da cidadezinha. Outras relíquias estão nos alambiques escondidos nos recônditos do vilarejo. O pessoal do Gil te dará as dicas dos melhores.
Vai lá e aproveite o dia!!!

25 de out de 2011

Caracoles - Rota Mendoza - Argentina/Santiago - Chile




Num percurso sinuoso com 17 curvas acentuadas, movimentado e pouco sinalizado, a estrada que adentra o Chile aproximadamente 30 km, desde a Aduana, segue por um desnível de 670 metros através dos "Caracoles"- uma considerável obra na qual a ousadia humana controla a geografia. A encosta da Cordilheira vista por este ângulo é mais abrupta, mais rochosa, mais achocolatada. Finda a descida, a estrada passa a acompanhar o vale do Rio Aconcágua até Los Andes, de onde se ramifica e leva o viajante à área metropolitana de Santiago ou a Valparaíso/Viña del Mar. Vista desde baixo, a parede abrupta da Cordilheira dos Andes ao mesmo tempo assusta e convida. De fato, se impõe. Afinal, que somos ante sua grandiosidade? No inverno, a concentração de neve e as fortes pendentes garantem a Portillo (situado no topo dos Caracoles, a 2855m de altitude e a 152km de Santiago) manter as boas condições das pistas de esqui, consideradas as melhores, as internacionais, da região.


Visualizar Região de Mendoza em um mapa maior

7 de out de 2011

Ponte del Inca - Las Heras - Argentina



Este lugar de incomparável beleza está localizado no departamneto de Las Heras e é considerado uma geoforma única no mundo. Devido às suas características particulares, não tardará muito tempo em ser designado como patrimônio da humanidade. É uma ponte natural formada por minerais e microorganismos biológicos como algas, e que se encontra sobre o rio Cuevas. Leva o nome de Puente del Inca, porque era utilizado pelos Incas antes da conquista da América. Acredita-se que milhares de anos atrás se formou uma ponte de gelo e que, após algumas avalanches, as fontes termais e o tempo solidificaram a "construção".
A sobrevivência deste monumento depende do equilíbrio entre o depósito permanente das fontes termais e dos componentes biominerais (os quais dão a cor avermelhada à ponte). "A famosa "ponte" de pedra, verdadeiro prodígio da natureza, levou o nome "do Inca" porque supõe-se que era conhecida e freqüentada por esta cultura para tirar proveito das águas com propriedades curativas. Debaixo desta ponte, existem numerosos declives naturais de onde águas térmicas surgem carregando diversos tipos de minerais (calcário, bicarbonatos, clorosulfatos, etc.) a temperaturas que aquece as termas. As águas das fontes oscilam entre os 34 e 38 graus e são recomendadas para sistema nervoso, reumatismos, grávidez, terapias para anêmias, raquítismos e artríte. Existe uma construção, antigo hotel, ao lado e debaixo da ponte e no seu interior pequenas piscinas para onde as águas são levadas. É curioso o fato de que qualquer objeto que fique imerso por alguns dias nessas águas adquire dureza pela impregnação de minerais e sais que lhe dão um aspecto de petrificação.

5 de out de 2011

Bairro Yungay - Santiago do Chile

"Altivo e imponente se encuentra en el cruce de las calles Compañía con Libertad el Boulevard Lavaud. Orgulloso de la historia y arquitectura que lo sustenta y que lo ha transformado en parte del Patrimonio Cultural de Santiago."

O bairro Yungay é maravilhoso e não deve deixar de ser visitado. Suas casas e casarões antigos refletem a Santiago de outrora muito mais que o Bairro Bella Vista, que por seu glamour se tornou o ponto e referência turística de Santiago. Para se perceber um pouco mais como era a aristocracia no Chile não só o centro deve ser visitado. Interessante perceber as inúmeras casas abandonadas que existem no bairro marcadas pelos últimos terremotos da região. Restaurantes pitorescos estão espalhados e escondidinhos entre os prédios. Vale muito o caminhar por aquelas ruas. Meu enorme agradecimento a amiga TAMARA,do Hostel Santiago BackPackers, que me deu as deixas.

20 de set de 2011

Final de tarde na orla de Fortaleza CE




Para quem quer ficar pertinho do mar e ter uma vista deslumbrante, a avenida Beira-Mar é uma das melhores opções de hospedagem e passeios.

14 de set de 2011

Paz entre alamedas - Santiago - Chile



Num dia frio o prazer de caminhar pelos parques, jardins e alamedas em Santiago é algo indescritível. A poesia está presente em tudo - desde os caminhos com grãos de areia, mães passeando com carrinhos de bebês por todos os lados e casais enamorados na relva. Ora tocando ..., ora tocando ...!

6 de set de 2011

Mapa Camino Inca desde Cusco a Machu Pichu



A Trilha ou Caminho Inca é o trecho de uma antiga estrada inca pavimentada com pedras que atravessa as montanhas e chega até Machupicchu no Peru. É o modo como os incas faziam para chegar a Machupicchu. É a rota de trekking mais famosa do mundo, pela conjunção de intrigantes ruínas com as espetaculares paisagens que oferece ao viajante durante os dias de caminhada. Percorrer a Trilha Inca é a melhor maneira de conhecer a magia e os mistérios de Machupicchu. O percurso começa no km 82 da ferrovia Cusco/Quillabamba, atravessa as montanhas acima da margem esquerda do rio Urubamba e chega até Machupicchu depois de 4 dias de caminhada. Possui calçamento original inca em boa parte do percurso. No entanto as estradas incas não se restringiram a este trajeto. Elas ligavam Cusco em todas as direções da América do Sul formando uma rede de comunicação de mais de 30.000 km. Existem caminhos inca no Chile, Argentina, Equador e até mesmo no Brasil. Muito boas as dicas, informações e projetos neste site:
http://www.machupicchu.com.br/
msn: reservas@eldorado.tur.br

Meu grupo "Camino Inca"



Se, porventura, conhecerem alguém da foto entrem ou peçam para entrar em contato.
Três do Brasil: Um do Peru - nosso guia - Dois de Curitiba, Dois de Colombia, Uma da Holanda e um de São Paulo!!!!
Quatro dias dias maravilhosos de muita aventura, paisagens, sitios arqueológicos, fogueiras, vinhos, milho prá caramba, chá de coca, e principalmente companheirismo apesar de não nos entendermos através das línguas "pátria". Mas os sinais estavam lá...!

Início da trilha "Camino Inca" -



O começo da trilha é em uma ponte linda sobre o rio Urubamba(hoje)no Km 82, quando fui havia um cabo de aço e uma plataforma onde cabiam apenas 5 pessoas e as mochilas. Começa bem tranqüila (mesmo com o nervoso rio Urubamba e suas corredeiras que impressionam). O caminho ingreme e às vezes suave é bom para que cada um vá descobrindo o seu ritmo. Um dos guias segue sempre à frente orientando sobre a trilha e outro atrás, do pelotão, para acompanhar aqueles com ritmo mais lento.
No primeiro dia a caminhada não é tão longa e nem tão forte, aproximadamente 4 e 5 horas. Importante é não querer chegar e sim entender o processo da caminhada. Um passo de cada vez curtindo a paisagem e a energia do lugar. Leve sempre: água, chocolate e algumas guloseimas, que goste, para degustar vez em quando na trilha para ganhar energia.

O lado sombrío de Fortaleza CE





A princípio a favelização não deve ser encarada como um problema, mas como uma realidade. Realidade que atinge não somente os grandes centros urbanos, mas as médias e até mesmo pequenas cidades. A partir do momento que o poder público e a sociedade civil têm essa percepção, a tomada de decisão com relação à reversão desta realidade assume uma dimensão muito mais efetiva. Destaco que conviver com a precariedade não é exceção, mas uma regra para a maioria da população mundial. E Fortaleza não foge à regra.

4 de set de 2011

Caminho entre falesias - Canoa Quebrada CE





Localizada no município de Aracati (170 km de Fortaleza), a praia de Canoa Quebrada mudou muito daquela pequena vila de pescadores freqüentada pelos hippies no começo dos anos 70. Hoje, mais "moderno", o distrito está plugado no mundo. Possuí restaurantes de cozinha internacional, bons hotéis, pousadas, bares e até acesso a internet, mesmo que por ondas de rádio. Com 365 dias de sol banhando suas águas, Canoa Quebrada oferece diversas opções de lazer ao turista. Quem prefere a tranqüilidade do dia pode se deliciar num passeio de bugue, parapente, jangada ou saborear a culinária regional em uma das diversas barrancas à beira-mar.

Pousada Europa ou Hostel do Alemão - Canoa Quebrada CE

Não peçam para eu tecer comentários pois ficariam enojados. Este foi o pior lugar que fiquei hospedado em toda a minha vida. Os donos são desleixados com eles mesmos. Café sem gosto e pães amanhecidos. Manteiga derramada na borda do recipiente. Copos mal lavados... O resto não vou escrever.
Cuidado porque o proprietário costuma ir oferecer hospedagem aos turistas assim que descem do onibus no ponto final.

30 de ago de 2011

Estalactites de inverno - Pucón



Por que ninguém deve pegar uma estalactite para colocar na sua casa?
Para uma caverna se formar é preciso umidade e um solo muito especial composto de rocha calcária. Isto significa que as cavernas não podem aparecer naturalmente em qualquer lugar do planeta. Se uma única gota demora seis meses para atravessar a rocha calcária, imagine quanto tempo demoraria para formar um espeleotema.
E ainda há pessoas que perguntam por que não podem levar uma estalactite para sua casa.
Leve uma "degelo".

Pucón - treinamento contra fogo - vulcão



Diariamente, ao meio dia, um alarme é acionado pelo Corpo de Bombeiros de Pucón. Não se assuste, é apenas o aviso da hora do almoço. No entanto, Pucón e Villarrica estão localizadas a poucos quilômetros de um vulcão e todo cuidado é pouco. Conheça os tipos de alarmes e seus significados: um toque significa incêndio, dois avisa a população sobre acidentes com veículos, e três ou mais alarmes prolongados é vulcão em estado de alerta.

29 de ago de 2011

Portal de entrada - Cerro Santa Lucia - Santiago



O Cerro de Santa Lucia, em Santiago, é menor do que o Cerro San Cristobal mas sua importância está em ser o marco da fundação da cidade em 1541. Há belas escadarias, balaustradas, portais e esculturas com toques neoclássicos.

Santiago


Tendo a imponência da Cordilheira dos Andes como cenário de fundo, Santiago se revela como uma das mais belas cidades de todo o continente. A capital chilena guarda espaço importante para a preservação de sua história, cultura, tradição, lazer e meio-ambiente. Ao longo de suas ruas e avenidas, parques e praças, o visitante tem a chance de mergulhar no orgulho que o povo possue pelo seu país e pela sua história. Ao visitar os parques naturais, as estações de ski, as vinícolas e cidades do litoral é visível o cuidado e o carinho com que a população cuida de sua terra. Com certeza uma viagem que marcará a memória dos que tiverem o privilégio de conhecer Santiago e o Chile.


25 de ago de 2011

Roma - Um singelo passeio



A melhor forma de passear por Roma é a caminhada. A maioria dos monumentos e zonas interessantes estão a uma distância relativamente curta entre si. Sobretudo na área intramuros, o que permite ao visitante ver todos os cantos da cidade sem maiores inconvenientes.

15 de ago de 2011

Arte na feirinha do Centro de Convivência - Campinas



O Centro de Convivência Cultural é um conjunto arquitetônico localizado no bairro Cambuí, na cidade de Campinas, no interior do estado de São Paulo, Brasil. Foi projetado pelo arquiteto Fábio Penteado e inaugurado em 9 de setembro de 1976.
Lá você vai encontrar uma linda praça com árvores enormes fazendo muita sombra gostosa… gente de todas as idades, comidas variadas, doces, apresentações artísticas, antiguidades, colecionadores, e muito, muito artesanato.
Feira super tradicional que acontece aos sábados e domingos das 9h00 às 14h00.
Não deixe de visitar.

City Bar - Campinas


Não existe programa mais pitoresco em Campinas do que passar uma manhã pela "feirinha" do Centro de Convivência e depois se refrescar com uma deliciosa cerveja, acompanhada de um salgado, na calçada deste bar. Visitar Campinas e não conhecer o City Bar é o mesmo que ir à Roma...
Segundo a placa, e este que comenta, aqui se come "O melhor bolinho de bacalhão do mundo"!
Comprove.

6 de ago de 2011

Bairro Bellavista - Santiago - Chile





O espaço compreendido pelo Barrio Bellavista, em Santiago do Chile, inclui áreas de dois diferentes bairros da metrópole: Providencia e Recoleta. Ambos são separados pela rua Pio Nono, um dos eixos principais do setor. Este fragmento é delimitado pelo Cerro San Cristobal e na margem norte do Rio Mapocho. Representam importantes atrativos turísticos naturais da região. A partir da colina você pode ter a melhor vista da cidade e das montanhas. O Barrio Bellavista, como é chamado, oferece grandes atividades culturais durante todo o dia e a noite. Centros de arte que estão localizadas dentro das artérias da área apresentam uma rica variedade de obras, abrangendo todos os gêneros. O património cultural da freguesia tem o seu maior expoente na casa que pertenceu ao famoso poeta Pablo Neruda, hoje museu Casa la Chascona.

2 de ago de 2011

31 de jul de 2011

Valle Nevado - Santiago - Chile



No coração da região dos Andes, bem perto da cidade de Santiago, esta a maior estação de esqui da América do Sul e provavelmente a mais moderna do Chile. Valle Nevado está 3.205 metros sobre o nível do mar e tem 9.000 hectares de superfície esquiável, distribuídas em 31 kilometros de pistas. Aberto durante o ano todo, este resort de montanha foi inaugurado em 1988 e forma com as estações El Colorado e La Parva, a região conhecida como "os três vales dos Andes" com 10.700 hectares de terreno esquiável e 107 kilometros de pistas. Neve em pó, 34 pistas e pendentes preparadas com um desnível que alcança os 810 metros e terminam nos maravilhosos prados andinos e áreas fora de pista com excelente neve virgem. Vale Nevado é um lugar ideal para esquiar e praticar snowboard, heli-ski ou ainda fora de pista, realizar atividades como asa delta e safaris de esqui. "El Dorado" dos esportes de inverno, assim o chamam a Valle Nevado, está apoiado na infra-estrutura hoteleira e gastronômica. Qualidade, um ótimo serviço e a hospitalidade chilena distinguem seus hotéis e restaurantes, também promete junto ao fitness center os melhores espetáculos organizados para férias de inverno inesquecíveis.

29 de jul de 2011

Portal de entrada - Holambra - Expoflora


Benvindos desde 1948!!!!!

A EXPOFLORA - é um evento que se realiza todos os anos e neste de 2011 acontecerá entre 1 e 25 de setembro, de quinta-feira a domingo das 9 horas às 19 horas, em Holambra, interior de São Paulo. O carro-chefe da Expoflora é a exposição de arranjos florais que em 2011 terá como tema o Ano da Holanda no Brasil. Organizada pelos decoradores e paisagistas holandeses Jan Willem van der Boon e Jessica Drost, a exposição é uma grande vitrine para as novidades do setor pois permite que as novas variedades de flores e plantas ornamentais sejam testadas quanto ao gosto do público e preferência do consumidor antes que os produtores invistam na produção em larga escala para o abastecimento do mercado. A exposição também homenageia os 30 anos da Expoflora Com o tema “Árvores: conhecer, plantar e preservar.

Serviço:

30ª Expoflora Data: de 01 a 25 de setembro, de quinta-feira a domingo e no dia 07 (quarta-feira – feriado da Independência do Brasil), Horário: das 9h às 19h Localização: Holambra, SP 340, rodovia Campinas-Mogi Mirim, saída 140. Na bilheteria, os ingressos custarão R$ 28,00. Crianças de até cinco anos de idade, acompanhadas dos pais ou responsáveis, não pagam. Informações: (19) 3802-1421 e pelo e-mail contato@expoflora.com.br

Num céu de Holambra


Em julho de 1948 chegaram aqui os primeiros imigrantes holandeses e se estabeleceram na Fazenda Ribeirão, fundando a Cooperativa Agropecuária da Holanda. O nome Holambra nasceu das iniciais HOL(de HOLanda), AM(de AMérica), e BRA(de BRAsil). A história de Holambra começou logo após a Segunda Guerra Mundial, que havia devastado a Europa. Uma organização de agricultores católicos na Holanda, que mesmo antes da guerra já promovia a imigração de agricultores católicos, enviou ao Brasil uma comissão, que idealizou através do Sr. Geert Hevmeijer, a fundação de um núcleo cristão de imigração coletiva aqui no Brasil. Entusiasmados com tal possibilidade e com forte ligação com o clero católico holandês, pressionaram o governo para que viabilizasse o projeto junto ao governo brasileiro. Firmado o acordo entre os dois países o governo brasileiro concedeu empréstimos para aquisição da área onde seria instalada a colônia. Assim chegaram aqui os primeiros imigrantes holandeses, que se estabeleceram na Fazenda Ribeirão e fundando a Cooperativa Agropecuária da Holanda. Holambra é hoje, a maior produtora de flores e plantas da América Latina.

27 de jul de 2011

Viña Undurraga - Santiago - Chile




A Viña Undurraga – com mais de 120 anos, umas das pioneiras da vitinicultura no Chile – integra um pequeno grupo de vinícolas chilenas que estão trabalhando em prol do desenvolvimento da uva Carignan no Vale do Maule. O enólogo Rafael Urrejola faz parte do time dos defensores desse projeto, e a sua linha de rótulos T.H (Terroir Hunter), nasceu de uma busca dos microterroir que melhor representam a diversidade chilena. É o caso do TH Carignan, um vinho de produção limitada. O TH Carignan revela um bouquet perfumado e de boa intensidade. Sem dúvida uma ótima integração com a madeira. Na boca mostra boa estrutura, taninos finos e redondos, além da acidez marcante e típica da Carignan. Um vinho equilibrado, de final persistente e delicioso. Porque visitar a Undurraga e não outras? A escolha é muito pessoal desde que você tenha referências e depende muito do que cada um busca. Eu prefiro os detalhes artesanais, a base, a origem. Esse tipo de informação simples e básica no sentido da essência me interessa. A Undurraga proporciona uma aproximação das pessoas com o seu espaço, seu processo. O guia "German" dá início ao processo do passeio se apresentando e incorporando-se ao grupo, deixando todos soltos e a vontade para questionamentos. Suas informações são claras e objetivas enxertando sempre algum tipo de brincadeira descontraindo as pessoas. Não há nenhum tipo de informações através de videos ou slides. Tudo é passado pelo guia através de uma bonita caminhada pelas instalações. A prática rudimentar representado pelos equipamentos e tonéis antigos contrastam com a nova tecnologia no mesmo espaço. A riqueza do passeio está na facilidade com que se assimila as informações. Experimentar, em sua origem, um produto é o que sempre fascina e surpreende quem quer que faça uma visita a estes espaços. Por isso a degustação é a última parte da visita. É algo "divino"! Na Undurraga foram oferecidos quatro tipos de vinho. Dois brancos e dois tintos. Terminada a sublimação através do paladar e também a sessão de fotos, um diferencial da vinícula é ofecerer como "regalo" a taça em que você pode se deliciar com os vinhos dela além de uma amostra de um Cabernet Sauvignon que com certeza, muitas vezes, não chega em casa. Minha visita foi em julho de 2011.

Para conhecer Santiago, fazer passeios com segurança e tranquilidade contatem:
EDUARDO TORRES -Taxista e guia turistico - cel. 08-497.0722 (Taxista no aeroporto - negocie preços que o dele é sempre bom e melhora)

Patio Bellavista - Santiago - Chile



O Patio Bellavista é o convite para se conhecer o Bairro Bellavista, em Santiago. O local, frequentado tanto pelos chilenos como pelos turistas de todo o mundo. Nesta galeria a céu aberto se pode desfrutar com a família ou amigos um excelente local de descontração e diversão. O Pátio é um espaço de encontro para se curtir gastronomia, arte, cultura e turismo ao mesmo tempo e em abiente saudável e seguro.Destaque ao club de JAZZ. Outros ambientes como sala de teatro, Pubs, restaurantes, cafeterias e livrarias servem a população visitante. Outros estabelecimentos de artesanato e roupas fazem parte desse "shopping" Um lugar de diversão que vira compras e vice-versa.

25 de jul de 2011

Ojos de Caburga - Pucón



O Ojos del Caburgua são pequenas quedas d'agua que estão localizadas perto do lago Villarica no centro-sul do Chile. Oferece uma bela paisagem de quedas múltiplas em torno de uma piscina de águas cristalinas em tons de azul-esmeralda. O Ojos del Caburga foram formados a partir de água subterrânea que viaja através de dutos de formação vulcânica desde o Lago Caburga e emergem na superfície criando beleza única. É necessário ir de carro ou contratar serviços de turismo porque o local fica 18 kms a leste de Pucón. O local está em propriedade particular e uma taxa de visitação é cobrada. Os del Caburgua tem melhor infra-estrutura para os visitantes do que algumas das outras cachoeiras na região. Se você está na área de Pucón ou Villarrica, definitivamente deve incluir esse lugar no seu roteiro.

22 de jul de 2011

Lago e vulcão Villarica - Pucón - Chile



NOTICIAS: 02/03/2012 - Atualizada às 11:30


O Villarica, no sul do Chile

O turista brasileiro Felipe Santos ainda está desaparecido na região do Vulcão Villarrica, no Chile, segundo informações do jornal chileno El Mercurio. Ele sumiu ontem (1), depois de um acidente que matou o mexicano Rodolfo Sarovich, de 21 anos. Segundo a notícia, os caminhantes estavam na montanha quando o tempo virou bruscamente, ocasionando uma série de acidentes. Um terceiro excursionista, o chileno Guillermo Elías, sofreu graves fraturas e já estaria em um hospital da região. E um suíço teve lesões leves na perna. O corpo do mexicano ainda permanecia na montanha na manha desta sexta-feira, segunda a nota.
A subida do Villarrica, de 2.843 metros de altitude, é considerada relativamente fácil, ideal para montanhistas iniciantes. O país exige guia especializado para acompanhar os turistas que desejam escalar a montanha, que se localiza no sul do Chile, dentro da área de um parque nacional.






Fazer a escalada do vulcão Villarrica, em Pucón, é um dos passeios imperdíveis da região sul chilena. A caminhada até topo é fácil pois o vulcão tem formato cônico com baixa inclinação raramente ultrapassando os 30 gráus de ângulação. Mesmo em época de inverno, quando a incidência de neve é alta, é possível fazer a escalada pois existe um controle das autoridades locais que administram essas operações liberando ou não as subidas dependendo das condições do clima. A atenção é sempre necessária seja em quais condições forem pois mesmo com guias experientes o terreno sempre será novidade para quem faz a escalada pela primeira vez. O tempo médio entre a escalada e a descida gira em torno de oito horas dependendo sempre das condições fisicas e climáticas. Chegar ao topo é sempre uma escolha do grupo mas nem sempre todos atingem esse objetivo. Vislumbrar o magma borbulhante após quatro ou cinco horas de caminhada é o prémio maior de quem consegue completar a tarefa. A fumarola expelida carrega consigo o cheiro de enxofre e pode comprometer a respiração dos desatentos. Em contrapartida o cenário que se mira é deslumbrante!

8 de jul de 2011

Ipê florido em Campinas SP


Dificil não se impressionar com a quantidade de ipês floridos nessa época do ano na cidade de Campinas

4 de jul de 2011

Uma tarde em Cortina D'Ampezzo



A rota romântica das montanhas Dolomitas que inclui Cortina D'ampezzo, é uma região de rara beleza natural pontilhada por pequenos povoados já em estilo tirolês devido a forte influência austríaca. A visão dessa beleza natural e as curvas da estrada ao lado de verdadeiros precipícios são de tirar fôlego. As Dolomitas (em italiano Dolomiti ) formam uma cadeia montanhosa dos Alpes orientais no norte da Itália.A área dolomítica estende-se entre a comuna de Cortina D’Ampezzo e as províncias de Belluno. Aqui a natureza é deslumbrante e premia nossos olhos. O contraste entre a paisagem do verde e as montanhas dolomitas com neve são um verdadeiro espetáculo para se curtir sem pressa.